• EN
  • Facebook
  • Instagram
  • Youtube
  • Linkedin
Você está em: Início > Ensino > Unidades Curriculares > AFEVS4008
Autenticação
ATENÇÃO: Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização.

Plano de Intervenção Nutricional

Código: AFEVS4008    Sigla: PIN
Área Científica: Ciências do Desporto

Ocorrência: 2023/24 - 2S

Área de Ensino: AFEVS - Ciências do Desporto

Cursos

Sigla Nº de Estudantes Plano de Estudos Ano Curricular Créditos Horas Contacto Horas Totais
AFEVS 23 Despacho N.º 10205/2019, de 11 novembro de 2019 10 67,5 280

Horas Efetivamente Lecionadas

Docência - Horas Semanais

Ensino Teórico: 1,00
Teórico-Práticas: 1,00
Ensino Prático e Laboratorial: 1,00
Trabalho de Campo: 1,00
Orientação Tutorial: 0,50

Tipo Docente Turmas Horas
Ensino Teórico Totais 1 1,00
Filomena da Conceição Sousa Soares Calixto - ESD   1,00
Teórico-Práticas Totais 1 1,00
Filomena da Conceição Sousa Soares Calixto - ESD   1,00
Ensino Prático e Laboratorial Totais 1 1,00
Filomena da Conceição Sousa Soares Calixto - ESD   1,00
Trabalho de Campo Totais 1 1,00
Filomena da Conceição Sousa Soares Calixto - ESD   1,00
Orientação Tutorial Totais 1 0,50
Filomena da Conceição Sousa Soares Calixto - ESD   0,50

Docência - Responsabilidades

Docente Responsabilidade
Filomena da Conceição Sousa Soares Calixto - ESD Responsável

Objetivos de Aprendizagem (conhecimento, aptidões e competências a desenvolver pelos estudantes)

No final da unidade curricular, os estudantes deverão:
i) saber avaliar a alimentação e nutrição de sujeitos ou grupos alvo;
ii) saber avaliar as necessidades energéticas e nutricionais de sujeitos ou grupos alvo:
iii) saber avaliar, classificar e monitorizar a composição corporal de sujeitos e grupos alvo;
iv) realizar aconselhamento para dietas saudáveis e identificar erros alimentares e nutricionais;
v) construir planos alimentares (estrutura geral, número e horário das refeições, princípios geris e exceções)
vi) compreender e aplicar os princípios da nutrição ao longo da vida (lactantes, crianças, adultos, grávidas e idosos);
vii) compreender as bases da nutrição clínica e das dietoterapias (dietas hipo e hipercalóricas; controlo da gordura e colesterol; controlo do sódio; controlo da glicémia; dieta mole; dieta vegetariana);
viii) conhecer regras gerais de qualidade e higiene alimentar; legislação e normas aplicadas aos géneros alimentares e política alimentar.

Conteúdos programáticos

1. Introdução, terminologia e conceitos (dieta, alimentação, plano alimentar, recomendações alimentares; refeições; dose); 
2. Avaliação nutricional e alimentar (questionários, diários, software de análise da dieta);
3. Avaliação das necessidades energéticas e nutricionais (metabolismo de repouso, atividade física, estilo de vida, composição corporal); 
4. Princípios básicos de construção de um plano alimentar (estrutura geral; número, horário e constituição das refeições; princípios gerais e exceções);
5. A alimentação ao longo da vida (lactantes, crianças, adultos, grávidas, idosos);
6. A alimentação terapêutica (dietas hipo e hipercalóricas; controlo da gordura e colesterol; controlo do sódio; controlo da glicémia; dieta mole);
7. Saúde pública e alimentação (regras gerais de qualidade e higiene alimentar; legislação e normas aplicadas aos géneros alimentares; política alimentar).

Demonstração da Coerência dos Conteúdos Programáticos com os Objetivos de Aprendizagem da Unidade Curricular

Para cada objetivo definido foram selecionados um ou mais conteúdos. A sequência dos conteúdos foi definida de modo a potenciar a aprendizagem dos conteúdos seguintes e a permitir de modo sequencial a consecução dos objetivos definidos.

Metodologia de Ensino (Avaliação incluída)

Metodologias de ensino interativas com manipulação de documentos científicos, regulamentos recomendações, instrumentos de consulta (rotulagem, tabelas), e trabalhos de grupo com apresentação oral e/ou conteúdo expositivo. A avaliação em época normal obedece ao mínimo de 2/3 de presenças nas aulas. Em coerência com as opções metodológicas, o Modelo de Avaliação Continua inclui 3 elementos: tarefas e relatórios (TR); prova escrita teórica individual (PE) e trabalho de grupo (TG). Nota final: (TR x 0,3) + (PE x 0,4) + (TG x 0,3), considerando-se a nota mínima de 10 valores em cada elemento.
O Modelo de Exame final inclui 3 elementos individuais: prova escrita teórica (PE); prova escrita prática (PP) e prova oral (PO). Nota final: (PE x 0,3) + (PP x 0,2) + (PO x 0,5), considerando-se a nota mínima de 10 valores em cada elemento.
Para os alunos em condição especial será planeada individualmente a metodologia de ensino-aprendizagem e avaliação adaptada à condição particular. 


Demonstração da Coerência das Metodologias de Ensino com os Objetivos de Aprendizagem da Unidade Curricular

A utilização de uma metodologia de ensino mais interativa e participativa pretende garantir o desenvolvimento de autonomia nos estudantes ao mesmo tempo que estes trabalham para a consecução dos objetivos definidos. Pretende-se assim assegurar o envolvimento dos estudantes no processo de aquisição dos conhecimentos e das competências para que estes consigam atingir níveis elevados de autonomia na manipulação e utilização do conhecimento assim como na aplicação das competências adquiridas, tal como discriminado nos objetivos desta unidade curricular.

Bibliografia de consulta (existência obrigatória)

· Introduction to Human Nutrition (2002), M.J. Gibney, H.H. Vorster, F.J. Kok. Blackwell Science Ltd, a Blackwell Publishing Company, Oxford, UK.· Nutrição Humana (2005), F.A.G. Ferreira. 3ª edição. Fundação Calouste Gulbenkian: Serviço de Educação, Lisboa, Portugal..· Nutrition Counseling Skills for the Nutrition Care Process (2009), L.G. Snetselaar. 4th edition. Jones and Bartlett Publishers, Sudbury, MA, USA.· Nutrition and Metabolism (2003), M.J. Gibney, I.A. Macdonald, H.M. Roche. Blackwell Science Ltd, a Blackwell Publishing Company, Oxford, UK.· Public Health Nutrition (2004), M.J. Gibney, B.M.Margetts, J.M. Kearney, L. Arab. Blackwell Science Ltd, a Blackwell Publishing Company, Oxford, UK.· Sport Nutrition: an introduction to energy production and performance (2010), A. Jeukendrup, M. Glesson, 2nd edition. Human Kinetics, Champaign, USA.· Sport Nutrition for Health and Performance (2009), M.M. Manore, N.L. Mayer, J. Thompson, 2nd edition. Human Kinetics, Champaign, USA.

Observações

A avaliação contínua e a avaliação final serão mantidas como previsto na unidade curricular, mas caso haja indicação para que as provas escritas não sejam presenciais, serão provas com consulta e com limite de tempo, realizadas na plataforma moodle ou outra adotada pela escola. Excetua-se o regime específico para alunos em situação especial que poderá ser reajustado relativamente ao previsto.