• EN
  • Facebook
  • Instagram
  • Youtube
  • Linkedin
Você está em: Início > Ensino > Unidades Curriculares > MEPRE003
Autenticação
ATENÇÃO: Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização.

Expressões nas Primeiras Idades

Código: MEPRE003    Sigla: EPI
Área Científica: Área de Docência

Ocorrência: 2020/21 - 1S

Área de Ensino: Artes Visuais Performativas e Motricidade Humana

Cursos

Sigla Nº de Estudantes Plano de Estudos Ano Curricular Créditos Horas Contacto Horas Totais
MEPRE 14 Despacho nº 10617/2015 3 36 81

Horas Efetivamente Lecionadas

1s-MEPRE

Teórico-Práticas: 31,50

Docência - Horas Semanais

Teórico-Práticas: 2,40

Tipo Docente Turmas Horas
Teórico-Práticas Totais 1 2,40
Ana Margarida Almeida de Pinho Neno Togtema   1,20
Maria Clara Rodrigues Silva de Brito   1,20

Docência - Responsabilidades

Docente Responsabilidade
Maria Clara Rodrigues Silva de Brito Responsável
Ana Margarida Almeida de Pinho Neno Togtema Responsável

Língua de Ensino

Português

Objetivos de Aprendizagem (conhecimento, aptidões e competências a desenvolver pelos estudantes)

Perceber a importância das Expressões no desenvolvimento cognitivo da Criança.
Compreender a Expressão no processo comunicacional e no desenvolvimento da Personalidade e Valores.
Compreender a emergência da Arte nos domínios da Expressão.
Entender a complementaridade da Expressão Verbal e Não Verbal na Criança e a sua relação com a evolução das linguagens e da comunicação.

Conteúdos programáticos

Desenvolvimento infantil e processos de afirmação da autonomia.
A dimensão simbólica e relacional do comportamento das crianças.
A Expressão corporal e o movimento.
Expressão plástica tridimensional e bidimensional. Evolução das capacidades de comunicação visual.
A educação e animação musical: dicção e canção.
Os conceitos de melodia, ritmo e harmonia na apropriação da música pelas crianças.

Metodologia de Ensino (Avaliação incluída)

Análise e discussão a partir de vivências e experiências dos alunos, numa perspectiva da construção do saber Pesquisa, análise e discussão de informação
Realização de momentos de estudo sobre a especifidade de cada área de expressão
Organização de momentos integradores resultantes de projectos comuns envolvendo temas transdisciplinares. Regime de avaliação contínua:
a) participação activa e assiduidade dos alunos (15%)
b) qualidade da discussão desenvolvida em grupos de trabalho (25%)
c) trabalho final sobre uma temática preferencialmente integradora dos domínios da expressão. 60% Avaliação por exame para os alunos que preferirem esta modalidade.


Demonstração da Coerência das Metodologias de Ensino com os Objetivos de Aprendizagem da Unidade Curricular

Ao privilegiar actividades de natureza expressiva diversa desenvolve-se nos alunos a compreensão de que as expressões não se podem compartimentar, apesar da especificidade de cada uma. As estratégias permitem vivenciar os aspectos particulares e comuns de cada domínio expressivo.

Bibliografia de consulta (existência obrigatória)


DUFFY, Bernardette (1998). Supporting Crativity and Imagination in the Early Years. Open University Press. Celtic Court, 22 Ballmoor, Buckingham.
FAURE, Gérard (2000). O jogo Dramático na Escola Primária. 2ª ed. Lisboa. Estampa.
GOMES, Álvaro ROLLA, (2003): Brincar a Ser ¿ Expressão e Educação Dramática. Porto Editora.
KÁROLY, Otto (1975). Introdução à Música. Sintra: Publicações Europa-América.
LAGOUTTE, Daniel (2015). Pratiquer les arts visuels à l¿ecole. Hachette Education.
LANDIER, Jean-Claude, BARRET, Gisèle (1992) : Expression dramatique théâtre. Paris: Hatier.
MÉGRIER, Dominique (2005): Jogos de Expressão Dramática na Pré-Escola. Lisboa: Papa-Letras, Lda.
MONTEIRO, Francisco (1997). Interpretação e educação Musical. Porto: Fermate
REIS, Luciano (2005). Expressão corporal e dramática. 1ª ed. Sete Caminhos. Lisboa.
ROOYACKERS, Paul (2004). 101 jogos dramáticos : aprendizagem com jogos de teatro e faz de conta. 2ª ed. Porto ASA.
SOUSA, Alberto B. (1979). Jogos de Expressão Musical. Ed. Futura.
VIADEL, Ricardo Marín (Coord.); (2003). Didáctica de la Education Artística. Pearson Education. Madrid.


Observações

O(s) docente(s) procedeu(procederam) pontualmente a adaptações necessárias no que respeita a metodologia, incluindo a avaliação, integradas na FUC e explicitadas com os estudantes, considerando o seguinte contexto:

- Adoção do ensino a distância, "excetuando-se as avaliações que possam decorrer nesse período e que se manterão presenciais, bem como atividades letivas que os docentes considerem que não podem acontecer na modalidade a distância" em nota informativa do Sr. Subdiretor da ESE-IPSantarém de 21 de dezembro de 2020;

- Manutenção do ensino a distância, salvo para avaliações ou atividades que não fossem possíveis de realizar a distância, no âmbito das medidas de prevenção e mitigação da pandemia da Civid-19 e de proteção da comunidade educativa referidas a 7 de janeiro de 2021 pelo Sr. Presidente do IPSantarém e pela Sra. Diretora da ESE-IPSantarém, com manutenção destas condições em nota informativa de 15 de janeiro de 2021;

- Suspensão das atividades letivas e não letivas presenciais determinada pelo Governo a 21 de janeiro de 2021 referida pelas "Recomendação às instituições científicas e de ensino superior no contexto das medidas extraordinárias do estado de emergência" da DGES, em 21 de janeiro de 2021.