• EN
  • Facebook
  • Instagram
  • Youtube
  • Linkedin
Você está em: Início > Ensino > Unidades Curriculares > AFEVS4007
Autenticação
ATENÇÃO: Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização.

Aconselhamento Nutricional

Código: AFEVS4007    Sigla: AN
Área Científica: Ciências do Desporto

Ocorrência: 2023/24 - 2S

Área de Ensino: AFEVS - Ciências do Desporto

Cursos

Sigla Nº de Estudantes Plano de Estudos Ano Curricular Créditos Horas Contacto Horas Totais
AFEVS 23 Despacho N.º 10205/2019, de 11 novembro de 2019 10 68 280

Horas Efetivamente Lecionadas

Docência - Horas Semanais

Ensino Teórico: 1,03
Teórico-Práticas: 1,00
Ensino Prático e Laboratorial: 1,00
Trabalho de Campo: 1,00
Orientação Tutorial: 0,50

Tipo Docente Turmas Horas
Ensino Teórico Totais 1 1,03
Rui Miguel Frazão Jorge - ESA   0,53
Teórico-Práticas Totais 1 1,00
Cristina Brito Subtil de Carvalho Portela - ESD   0,60
Rui Miguel Frazão Jorge - ESA   0,40
Ensino Prático e Laboratorial Totais 1 1,00
Cristina Brito Subtil de Carvalho Portela - ESD   1,00
Trabalho de Campo Totais 1 1,00
Cristina Brito Subtil de Carvalho Portela - ESD   1,00
Orientação Tutorial Totais 1 0,50
Cristina Brito Subtil de Carvalho Portela - ESD   0,50

Docência - Responsabilidades

Docente Responsabilidade
Nuno Manuel Queiróz Pimenta de Magalhães - ESD Responsável

Objetivos de Aprendizagem (conhecimento, aptidões e competências a desenvolver pelos estudantes)

No final da UC de Plano de Intervenção Nutricional os estudantes deverão alcançar o seguintes objectivos de aprendizagem:
- acompanhar um cliente na sua mudança de comportamentos relativos aos hábitos alimentares;
- avaliar e descrever o processo de avaliação do comportamento alimentar de um indivíduo;
- compreender e aplicar ao comportamento alimentar as ferramentas de intervenção na mudança comportamental;
- desenvolver, implementar e avaliar um programa individualizado de aconselhamento nutricional.

Conteúdos programáticos

Parte 1: Análise da investigação, teórica e baseada na prática, sobre os fatores que influenciam as nossas opções e suportam as escolhas alimentares.
Parte 2: desenho de programas de aconselhamento nutricional:
    Etapa 1 ¿ análise de necessidades e comportamentos;
    Etapa 2 - identificação de potenciais determinantes e mediadores comportamentais;
    Etapa 3 ¿ definir o modelo e ferramentas de intervenção;
    Etapa 4 ¿ Definir os objetivos;
    Etapa 5 - implementar o programa;
    Etapa 6 ¿ avaliação do processo e dos resultados. Parte 3: Elaborar e apresentar um relatório final.
Parte 4. Atividade Física, Desporto, Nutrição, Suplementação e Dopagem:
    A) Custos e benefícios do ponto vista biológico e psicossocial;
    B) Princípios éticos e morais;
Parte 5. Os princípios éticos orientadores da atividade profissional no contexto das ciências da nutrição.

Demonstração da Coerência dos Conteúdos Programáticos com os Objetivos de Aprendizagem da Unidade Curricular

As metodologias de ensino estão em coerência com os objetivos da UC. As aulas T são mais expositivas e centradas no desenvolvimento de conceitos. Nas aulas TP o desenvolvimento de fichas, realização de trabalhos, apresentações orais, permitem conhecer, descrever e aplicar conhecimentos desenvolvendo as competências subjacentes aos objetivos enumerados em linha com as várias partes e as etapas da parte 2, que é central e ocupara a maioria da horas de trabalho nesta UC.

Metodologia de Ensino (Avaliação incluída)

* Nas aulas teóricas (T) utiliza-se uma metodologia expositiva (meios audiovisuais e estratégias pro-ativas). Nas outras tipologias de aulas utiliza-se abordagem mais prática de aquisição de conhecimentos aplicados, incluindo: resolução de problemas; estudos de caso, elaboração de propostas de intervenção individual e/ou de grupo, pré-estágio.

* a.    Modelo de avaliação :
    * Avaliação contínua (nota mínima 10 valores em todos os elementos de avaliação):
Nota final = (apresentação de trabalho x 0,2) + (teste teórico x 0,2) + (trabalho final x 0,6)
    * Avaliação final:
Nota final = (teste teórico x 0,2) + (revisão da literatura x 0,4) + (prova oral x 0,4)

* b.    Épocas de avaliação:
    * Época normal - Disponível para todos os alunos inscritos na UC.
    * Época de recurso - Disponível para melhoria de nota e para os alunos que tenham reprovado em época normal.
    * Época especial: Disponível para os alunos com condições especiais nos termos dos regulamentos e leis.


Demonstração da Coerência das Metodologias de Ensino com os Objetivos de Aprendizagem da Unidade Curricular

As metodologias de ensino estão em coerência com os objetivos da unidade curricular. As aulas teóricas são mais expositivas e centradas no desenvolvimento de conceitos. Nas aulas teóricas práticas o desenvolvimento de fichas, a realização de trabalhos, apresentações orais, permite ao aluno aplicar conhecimentos associados à competência de promoção de mudança dos hábitos alimentares em linha com o perfil de conhecimentos e competências subjacente ao perfil de saída dos alunos licenciados em AFEVS.

Bibliografia de consulta (existência obrigatória)

* Jones & Bartlett (2020). Nutrition Education: Linking Research, Theory and Practice. 4rd Ed., Publishers, Isobel R. Contento Inc.
* Snetselaar, L.G. (2009). Nutrition Counseling Skills for the Nutrition Care Process. 4th Ed., Jones and Bartlett Publishers, Sudbury, MA, USA.
* Welch, A.A. Kearney, J.M. Lanham-New, S.A. (2017). Public Health Nutrition. 2nd Edition. Wiley-Blackwell, Hoboken, US.
* Barth, M., Bell, R., & Grimmer, K. (2020). Public Health Nutrition: Rural, Urban, and Global Community-Based Practice (1st Ed.). Springer Publishing Company, NY, USA.

* Pimenta, N.M., Félix, I.B, Gosak, L., Stiglic, G., Guerreiro, M. P. (2022). Case study 1 - toolkit for educators. The case of Maria José Pereira da Silva - increasing physical activity. Train4Health project. 
Jeukendrup, A., Glesson, M. (2018). Sport Nutrition, 3rd edition. Human Kinetics, Champaign, USA.



Observações

Em situação de pandemia podem existir decisões de ajustamento ao formato dos elementos de avaliação, atempadamente comunicadas aos alunos, para permitir cumprir regras de higiene e segurança (ex. apresentações de trabalhos e testes teóricos podem ser realizadas online em vez de presencialmente).